sexta-feira, 11 de maio de 2012

“E quando eu consegui falar de você sem chorar, eu tive a certeza de que eu tinha conseguido matar você dentro de mim.”

Nenhum comentário:

Postar um comentário